24.3.09

autor: hans coimbra


cada um tem a força que deve ter

mesmo conhecendo todos

não posso enfrentar todo mundo com ódio

tentando olhar para trás eu não consigo esquecer o que passou e o velho

isso é uma dor para mim

não me odeie, mais entenda cada um tem a força que deve ter

isso não basta

me perdoe, não me odeie, é uma questão de tentar esquecer

o que agente já viu, virou pó

nossas lágrimas caíram, já não derramam mais

eu não quero ser polêmico disso aqui

eu não quero mais sentir isso aqui

desejando escrever, tentando esquecer

aqui eu me explico a cada dia a cada ano

que tudo tem sua dúvida

vejo você rir, mas eu não vejo a graça disso tudo

pessoas que querem mais acabam caindo para trás

eu não quero mais, quero esquecer tudo

e viver simplesmente o que eu não pude esquecer.

cada um tem a força que deve ter

mesmo conhecendo todos

não posso enfrentar todo mundo com ódio

tentando olhar para trás eu não consigo esquecer o que passou e o velho

isso é uma dor para mim

não me odeie, mais entenda cada um tem a força que deve ter

isso não basta

me perdoe, não me odeie, é uma questão de tentar esquecer

o que agente já viu, virou pó

nossas lágrimas caíram, já não derramam mais

eu não quero ser polêmico disso aqui

eu não quero mais sentir isso aqui

desejando escrever, tentando esquecer

aqui eu me explico a cada dia a cada ano

que tudo tem sua dúvida

vejo você rir, mas eu não vejo a graça disso tudo

pessoas que querem mais acabam caindo para trás

eu não quero mais, quero esquecer tudo

e viver simplesmente o que eu não pude esquecer.

2 comentários:

Helena disse...

muito bommmmmm *-*
é seu?

adorei o
"eu não quero mais, quero esquecer tudo
e viver simplesmente o que eu não pude esquecer."

e e e quanto ao teu comentário...
"apenas qdo respirar :)"? :P

Helena disse...

ahhhh claro *-* entendi (: